domingo, 7 de fevereiro de 2016

Marajó!

Jovens missionárias do Projeto Campos Brancos levando Jesus aos povos mais distantes da região Amazônica. Não somos movidas pelo interesse financeiro, não queremos as glórias e comodidades deste mundo. Queremos tornar conhecido o nosso Senhor para aqueles " quase mortos, sem saber que há um Deus". É para esse que nós queremos, Oh como nós queremos, anunciar! 



quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Mais uma vitória!

Para a glória de Deus compramos o terreno para construir a Creche Escola Peniel 4, na comunidade de São Raimundo dos Borralhos. O trabalho missionário nessa comunidade começou no ano passado mas não tínhamos sede própria. Agora só falta construir. Sei que Deus proverá! E você ? crê comigo?






terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Banco de alimentos !

Somos procurados diariamente aqui no Projeto Campos Brancos por famílias que precisam de ajuda para se alimentar. Fazemos tudo o que está ao nosso alcance para não despedir ninguém de mãos vazias. Nem sempre é fácil. Deus, então, colocou em nosso coração o desejo de construir um BANCO DE ALIMENTOS. Quem pode, deposita. Quem não tem, saca. Funcionará da seguinte forma: a mãe de família que não tem como alimentar seus filhos, vem ao projeto e é encaminhada ao atelier para aprender e produzir algum artesanato. Após o trabalho, ela recebe um voucher e é encaminhada ao banco de alimentos para troca-lo pelo que estiver precisando, de acordo com o que tiver produzido. Todos ganham. O investidor ganha a satisfação de estar ajudando famílias, ganha seu nome em nosso mural para receber intercessão diária e ganha amostras do que é produzido. A mãe necessitada, aprende a produzir alguma coisa, recebe o alimento como recompensa por sua produção, tendo assim resguardada sua dignidade. O projeto organizará uma feirinha para vender a produção e poder reinvestir no próprio banco, comprando carnes e legumes.
Já temos a madeira tirada e o barro pronto!
Orçamento Para a construção do banco:
Mão de obra : R$ 1.500,00
Material de construção: R$ 2.500,00
Para o inicio do funcionamento:30 kg de arroz, 30 kg de feijão, 30 pacotes de macarrão , 30 kg de café, 30 kg de açucar, 30 lt de óleo, 30 kg de sal, 30 kg de charque, 30 cubas de ovos.
Quer ser um investidor? Mande sua contribuição para:
Banco do Brasil, Ag 1436-2, cc 6993-0.
Bradesco Ag 0697-1, cc 0523.164-7.
CEF Ag 4684, op 013, Cp 7622-0.
Não esqueça depois de mandar um e-mail para missgaspar@ig.com.br com seu nome completo, endereço e pedidos de oração, para lhe registrarmos como investidor.
Vamos mudar essa realidade !



domingo, 31 de janeiro de 2016

Milhas Missionárias!

Se você tem milhas, que tal investi-las na Missão do Mestre? Estaremos enviando, na próxima semana, duas jovens missionárias para a selva fronteiriça entre Brasil e Peru, para evangelizar entre os ribeirinhos e indígenas da região. Elas irão trabalhar em uma área de difícil acesso, dois dias de viagem da cidade mais próxima, sem energia, sem água potável e sem sinal de celular. Nilzinha e Julia vão para esse lugar movidas pelo amor, para reconquistar para o Cordeiro a recompensa pelos seus muitos sofrimentos. Vamos com elas? é só orar e contribuir. 

No limite da força

Amados, estamos alcançando , através de trabalhos de evangelização e da creche escola missionária Peniel 5, comunidades ribeirinhas e rios distantes e de difícil acesso na região do Marajó, na ilha de São Tomé. Esse é um trabalho árduo e cheio de desafios.Peço oração pelas missionárias do Projeto Campos Brancos nessa ilha, Cintia e Ana, para que o Senhor as livre dos perigos e as capacite para irem até o limite de suas forças para tornar conhecido o Rei da Glória. Graças a Deus já temos a canoa e o motor para os trabalhos de visita e evangelização, mas ainda temos inúmeras necessidades que precisam ser supridas imediatamente. Se você orar e ajudar, iremos mais longe, iremos mais rápido. 



segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

A Deus a glória pelas conquistas!




Esse último ano foi de muitos avanços, graças a Deus!

Na Creche Escola Missionária Peniel l, encerramos com cento e cinquenta crianças alcançadas com o projeto de Evangelização, discipulado e reforço escolar, além do alimento e do atendimento espiritual e psicológico.
Na Peniel II, na ilha de Derrubada, construímos a primeira sala de aula, de barro mesmo e estamos iniciando a construção da segunda sala de aula, agora as trinta crianças terão dois espaços e poderemos prestar um melhor atendimento.
Na Peniel III, no Peru, a missionária Nete está muito enferma, em muitos dias não tem conseguido nem se levantar da rede,  teremos que trazê-la de volta, nos ajude em oração pela saúde dela e pelos recursos necessários para a viagem de volta e para o envio de outras duas obreiras para assumirem essa obra. Durante o ano, nesta base tão distante dezenas de indígenas e ribeirinhos conheceram o evangelho, o trabalho não pode parar.
Na Peniel IV, na comunidade dos Borralhos, um lugar muito carente, mais de trinta crianças e adolescentes foram atendidas durante todo o ano com a palavra de Deus, o reforço escolar, a alimentação e o atendimento espiritual. Conseguimos uma casa emprestada na comunidade e a reformamos toda, o que exigiu muito recurso e muito trabalho. Infelizmente, o proprietário a pediu de volta. Agora estamos procurando um terreno para comprar e construir a Peniel definitiva. Que o Senhor nos ajude.
Passei boa parte do mês de Dezembro na Peniel V, meu esposo Dulcival passou dois meses preparando a base e fomos empossar as missionárias. Essa base fica em uma ilha no Marajó e nessa região existem inúmeras comunidades sem o evangelho, o trabalho não é fácil e precisamos muito de oração.
Enviamos duas das moças para fundar a Peniel VI e conseguir alcançar assim, três comunidades não alcançadas para Cristo, alugamos uma singela casa por R$ 100 e vamos iniciar as aulas em uma sala de barro atrás da casa.
Deus colocou em meu coração a ideia de um Banco de Alimentos aqui em Maracanã porque muitas famílias vêm a nós semanalmente pedindo alguma coisa para comer, então a ideia é essa: quem tem recursos, deposita alguns quilos de alimentos mensalmente no banco, se torna um investidor e seu nome vai para o livro de oração. Quem não tem o que comer, vem aqui e, após realizar algum trabalho de artesanato e fizer alguma produção, recebe um voucher para trocar por alimento não perecível, de acordo com o que tiver produzido. O investidor ganha oração, o faminto ganha o alimento, o projeto recebe o artesanato e as pessoas atendidas adquirem o senso de valor por terem produzido um bem e recebido em troca o que precisavam. Nos ajude em oração para que tenhamos alimentos suficientes para o banco. Creio que será uma benção, iniciamos a construção hoje, será de barro, rebocado por dentro e coberto com Brasilit.
Já começamos a receber as voluntárias para o trabalho missionário desse ano no Curso de Missões Pakau Oro Mon, elas estão vindo de todas as partes do Brasil, algumas pela fé, sem mantenedores ainda, mas cheias de vontade de trabalhar para Jesus. Uma das novas alunas é psicóloga, acabou de se formar e veio trabalhar aqui, ainda sem nenhum sustento, confiando inteiramente no Senhor.
Nesse novo ano temos muitos desafios, alguns enormes e somos totalmente dependentes de Cristo para superar todos eles. Manter todas as creches funcionando sem nenhuma ajuda publica não é nada fácil, já são trezentas crianças e adolescentes para alimentar, cuidar e amar. São muitas obreiras já formadas para manter e muitas frentes para avançar e conquistar. E como sempre optamos pelos lugares mais pobres e menos alcançados da Amazônia, tudo é sempre muito difícil.
O que nos incentiva é saber que, mesmo em meio às lutas e provações, nosso meigo Cristo está conosco e que por Ele, tudo vale a pena.
Como é grande a honra de poder defender os interesses de Cristo nesse mundo cada vez mais corrompido pela maldade. O lugar mais seguro do mundo é o centro da vontade de Deus.
Nesse novo ano, queremos, com mais amor e mais ousadia, avançar no trabalho de Cristo e levar o maravilhoso evangelho que liberta a maior quantidade possível de pessoas, nos lugares mais inóspitos e menos alcançados. Pedidos de oração:
1) Por minha família (que o Senhor nos guarde do mal).
2) Pelas novas alunas do Curso de Missões (para que o Senhor as fortaleça).
3) Pelas Penieis ( para que haja salvação e renovação nas crianças e adolescentes).
4) Pela equipe de obreiras (que sejam santas e comprometidas com Cristo).
5) Pelos trabalhos nas comunidades e nos ramais ( para salvação dos que ouvirem)
 6) Para que tenhamos a mente de Cristo e Ele nos guie em todas as decisões.
7) Por mais intercessores e mantenedores fieis.
Se sentir no coração de nos ajudar , ajude! Na eternidade descobrirás o valor e a importância de seu compromisso!
Quem quiser fazer missões conosco contribuindo, pode fazer um depósito de qualquer valor em qualquer dessas contas: Banco do Brasil, Ag 1436-2, cc 6993-0. Bradesco Ag 0697-1, cc 0523.164-7. CEF Ag 4684, op 013, Cp 7622-0.
Não esqueça depois de mandar um e-mail para missgaspar@ig.com.br para mandarmos os relatórios e conhecermos você!


Com amor, toda a equipe do Projeto Campos Brancos.

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Para refletir!


QUE VENHA 2016!

Muito obrigada a todos que tem amado conosco e nos ajudado a tornar possível o avanço da obra missionária nas difíceis regiões amazônicas. Esse ano foi um ano de muitas dificuldades e todas elas foram superadas porque ao nosso lado estava o misericordioso Senhor das Missões. Tenho um pedido a fazer, não é dinheiro e nem sucesso, peço que orem por nós, que nos deem cobertura espiritual. Queremos avançar. Queremos ir além. Queremos reconquistar para o Cordeiro a recompensa pelos seus sofrimentos. Que em 2016 possamos nos sacrificar mais, chorar mais, sofrer mais, amar mais...ainda há muito a perder. Tudo por Ele e para Ele.
kelem Gaspar.
MISSGASPAR@IG.COM.BR